Mitos e Factos

Definição e glossário.

Mitos e factos

Os jogos de fortuna ou azar estão envolvidos em inúmeros mitos a que, na gíria, os jogadores chamam “crenças”. Conheça alguns dos mais comuns!

Mito 1:
“O jogo é uma forma fácil de fazer dinheiro”.
Facto:
O jogo é uma forma de entretenimento onde terá que pagar para jogar. Não é um meio de fazer dinheiro.

Mito 2:
“Se uma máquina de jogo não paga um prémio há bastante tempo, está prestes a pagar”.
Facto:
Nos jogos de fortuna ou azar não existe a recompensa do dinheiro jogado. Os prémios devolvidos por uma máquina de jogo são completamente aleatórios.

Mito 3:
“Algumas pessoas têm mais sorte do que outras”.
Facto:
Pode parecer-lhe que conhece pessoas com mais sorte do que outras ou pensar que é um desses “sortudos”. Na verdade, os resultados dos jogos assentes em probabilidades são totalmente arbitrários: todos têm a mesma possibilidade de perder ou ganhar.

Mito 4:
“A Casa ganha sempre”.
Facto:
Este mito corresponde a um facto. Os operadores de jogo têm uma vantagem sobre cada aposta que o jogador faz (vantagem da casa). Quanto mais jogar, regra geral, mais probabilidades terá de perder.

Mito 5:
“Se persistir recupero o meu dinheiro”.
Facto:
Continuar a jogar depois de perder não ajudará a recuperar o dinheiro – esta atitude pode resultar em perdas ainda maiores.

Mito 6:
“Os meus números da sorte aumentam a minha possibilidade de ganhar a lotaria”.
Facto:
Utilizar os “números da sorte” ou vestir a “camisa da sorte” não aumenta as suas possibilidades de ganhar. A verdade é que os números que escolhe têm exatamente a mesma possibilidade de ganhar que quaisquer outros.

Mito 7:
“Um número que não sai há bastante tempo deve estar a sair”.
Facto:
A probabilidade de um número sair, em cada jogada, é a mesma de qualquer outro, independentemente de quantas vezes jogar. O resultado está completamente fora do controlo do jogador.

Mito 8:
“Tenho uma martingala infalível”.
Facto:
Para algumas pessoas, a verdadeira emoção do jogo consiste em vencer o sistema (a “Casa”), mas existe sempre a possibilidade de perder. Não importa o estudo e perseverança que entrega à “martingala”.

Mito 9:
“Tenho menos probabilidades de ganhar o Euromilhões escolhendo os números 1,2,3,4,5 e 6, do que o 9,14,21,32,39,40”.
Facto:
Muitas pessoas pensam que a primeira sequência de números não tem possibilidade de acontecer. Mas, porque o Euromilhões é um jogo de sorte, uma sequência de números tem tantas probabilidades de ocorrer como qualquer outra.

Mito 10:
“Só preciso de conseguir um “grande ganho” para resolver os meus problemas”.
Facto:
Um grande prémio, provavelmente, não solucionará os seus problemas e continuará a jogar para somar mais um bom prémio.

Mito 11:
“Quase que acertei no jackpot”.
Facto:
Algumas pessoas olham para certas perdas como um sinal de futuro ganho, por exemplo quando o resultado de um jogo fica “próximo” de um prémio (não ganhar na lotaria por um número ou falhar por pouco a combinação de prémio de uma máquina de jogo). Isto é uma ilusão. O “foi por pouco” é uma perda – nada mais. Isto não significa que será premiado na próxima vez.

Mito 12:
“Uma pessoa só tem um problema com o seu jogo quando joga todos os dias ou mais do que pode gastar”.
Facto:
As pessoas não têm que jogar todos os dias para desenvolver um problema. Se o tempo que despende com o jogo afeta outros aspetos da sua vida, como a saúde ou relações com a família e amigos, poderá ter um problema.

beenhere

Apoio

O Observatório do Jogo Responsável monitoriza o cumprimento dos princípios de jogo seguro e responsável dos operadores licenciados. Em caso de incumprimento destes princípios, pode enviar um email para geral@jogoresponsavel.pt dando conta da ocorrência. Reencaminharemos o seu email para o operador referenciado. Na ausência de resposta do operador, daremos conhecimento ao Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos.

logo_jogo_responsavel_cinza
Marca Registada
O primeiro site de jogo responsável em Portugal